julho 20, 2010

Para Maria Tereza


me conta uma história antes de dormir.
me abraça em concha,me guarda em teu peito e me faz um carinho demorado nos cabelos, até que os pensamentos ruins procurem outro abrigo.
desenha em giz cor-de-rosa, uma aventura de bailarina que se enamora de um facho de luz, que vive no fundo do mar, deitado numa concha, de onde fogem três a cada dia, pérolas lilases que ao chegarem à superfície se transformam em fadas e vão brincar em carrosseis guiados por unicórnios prateados que cantam fados e derramam gotas de cristal por onde passam...
diz pra mim, que esta bailarina tem olhos que nem os meus e dentes separados, que sorri e chora de tudo, que dança sem muito jeito, mas que canta tão bonito...
em giz amarelo-ouro, desenha a casa, a cama, a mesa e os copos que tem na casa da bailarina, e me esconde o nome dela, até que eu saiba pelo cheiro de flor, que ela é quem sussurra na janela, entre as cortinas de sonhos bons, que então vagam em pétalas de flor acabando de nascer...
me conta do rouxinol apaixonado pela bailarina desde que ela vivia na caixinha, e das músicas que ele canta no silêncio deste amor, nas manhãs antes que as horas ardam...
- você não sabe contar histórias assim?
então conta aquela de quando me conheceu numa foto e já se apaixonou...


albanegromonte

7 comentários:

Liginha Freire disse...

ow,ow,ow...quando Maria Tereza entender...vai amar tudo isso!!!

Djabal disse...

Você compôs uma melodia com as palavras, uma proesia ou poema em prosa. Ficou um sentimento explicitado, acarinhado e buliçoso.
E por isso deixo lavrado o queixume, e precisava de foto para se apaixonar? Beijos e a.c.t.

Lady Cronopio disse...

Liginha, seu olhar por aqui, com essa brejeirice sempre faz o dia ficar melhor.
Xeros!

Lady Cronopio disse...

Djabal, se não fosse você, talvez eu nem tivesse a coragem de recomeçar nos escrevinhares...
E quando leio uma coisa assim, tão aquela coisa toda, fico toda prosa!
Beijos, meu herói!

Liginha Freire disse...

é...só tem pra Maria Tereza mesmo...:(((

Liginha Freire disse...

Ai,"Têca"...como eu te odeio!

Liginha Freire disse...

Só passei pra ver...mas saí míope.