dezembro 20, 2007

Poeta Passarinho...





"Olho em redor do bar em que escrevo estas linhas.




Aquele homem ali no balcão, caninha após caninha,




nem desconfia que se acha conosco desde o início





das eras. Pensa que está somente afogando problemas




dele, João Silva... Ele está é bebendo a milenar




inquietação do mundo"






Mario Quintana

Um comentário:

Kovacs disse...

Todos esses que aí estão / Atravancando meu caminho, / Eles passarão... / Eu passarinho!"